Centro Cultural do Ministério da Saúde





CCMS expõe em Duque de Caxias/RJ obras que usam o humor para informar sobre as Doenças Sexualmente Transmissíveis



CCMS expõe em Duque de Caxias/RJ obras que usam o humor para informar sobre as Doenças Sexualmente Transmissíveis

Cartuns do Festival Internacional de Humor em DST e Aids estão em exposição no Museu Ciência e Vida. A mostra realizada pelo Ministério da Saúde leva ao museu de Duque de Caxias, na região metropolitana do Rio de Janeiro, uma seleção de aproximadamente 100 trabalhos de mais de 50 países.

As imagens já foram exibidas em mais de 20 cidades brasileiras e de todo o mundo, como Cidade do México (México), Nova York e Washington (Estados Unidos), Genebra (Suíça) e Viena (Áustria). Os cartuns também foram vistos no Cazaquistão, em Moçambique e na Etiópia.

Empregando o humor para discutir temas como prevenção, tratamento e Direitos Humanos, as ilustrações fomentam, com mais facilidade, o debate e a disseminação de informações sobre doenças sexualmente transmissíveis, HIV e Aids.


Serviço:
Festival Internacional de Humor em DST e Aids
Local: Museu Ciência e Vida – www.museucienciaevida.com.br/
Endereço: Rua Aílton da Costa, s/n, 25 de Agosto, Duque de Caxias – RJ
Contato: (21) 2671-7797
Visitação: Até 31 de julho, de terça a sábado, das 9h às 17h; domingos, das 13h às 17h
Entrada gratuita


O Museu Ciência e Vida

Em atividade desde julho de 2010, o Museu Ciência e Vida tem como missão popularizar e difundir a cultura, a ciência e a arte. O grande desafio do Museu é estimular nos visitantes sensações que os levem a novas experiências do saber e despertem o gosto pela ciência. A instituição possui aproximadamente 5.000 metros quadrados abertos a atividades como exposições, oficinas, palestras, cineclube e sessões no planetário.

O Museu Ciência e Vida é um empreendimento da Fundação Centro de Ciências e Educação Superior a Distância do Estado do Rio de Janeiro (Cecierj) em parceria com a Secretaria de Ciência e Tecnologia fluminense e apoio da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado (FAPERJ).


O Centro Cultural do Ministério da Saúde

O Centro Cultural do Ministério da Saúde foi inaugurado em 2001 como um espaço democrático de disseminação do saber na área da saúde pública. Em 12 anos de funcionamento, já recebeu mais de 47 mil visitantes em sua sede. As mostras itinerantes foram visualizadas por mais de 700 mil pessoas em todo o país. Para além das fronteiras nacionais, um público de quase 300 mil visitantes acompanhou as exposições desenvolvidas pelo CCMS. Todas as mostras estão disponíveis na íntegra no site da unidade.

Instalado no palacete que abrigou o “Pavilhão da Estatística” nas comemorações pelo centenário da Independência, em 1922, o CCMS integra o Corredor Cultural do Rio de Janeiro. A sede da unidade encontra-se temporariamente fechada aos usuários, devido às reformas necessárias para a plena acessibilidade ao prédio e a retomada das ações que tornaram o CCMS referência na difusão do conhecimento na área da saúde pública no País.

O Centro Cultural do Ministério da Saúde é uma unidade da Coordenação-Geral de Documentação e Informação/Subsecretaria de Assuntos Administrativos/Secretaria Executiva do Ministério da Saúde.