Conferências Nacionais de Saúde:

Contribuições para a construção do SUS

Esta foto em preto e branco mostra homens de terno sentados lado a lado. Nota-se, na primeira fila, mais senhores do que homens jovens. Esta foto em cores mostra multidão lotando um imenso salão. Há pessoas sentadas e em pé. Nota-se também que muitas fotografam ou filmam o que acontece em frente a elas. Esta imagem é uma logotipo da “8º Conferência Nacional de Saúde”. Nota-se o número oito, ao lado das palavras e dois riscos sob elas, um verde e um amarelo.
Imagem de logotipo da “12ª Conferência Nacional de Saúde”. Nota-se o desenho semelhante à bola azul na bandeira nacional, mas, ao invés de estrelas, observam-se bonequinhos. Percebe-se o slogan escrito ao redor do globo “Saúde: um direito de todos e um dever do Estado. A saúde que temos. O SUS que queremos. Conferência Sérgio Arouca”. Nesta foto em preto e branco, vê-se um homem indígena à esquerda. Ao fundo, nota-se um grande painel escrito “8º Conferência Nacional de Saúde”. Logo abaixo, percebe-se uma grande bancada com pessoas sentadas, como se fossem palestrar. Esta foto em cores mostra multidão sentada, lotando um imenso salão. Nota-se também que muitas aplaudem algo ou alguém que está em frente a elas. Ao fundo, percebem-se profissionais que filmam o evento.
A foto em cores mostra um salão imenso ocupado por multidão que se encontra sentada. Nota-se que na primeira fila há vários cadeirantes. Nesta foto em cores, observam-se algumas pessoas sentadas atrás de uma bancada. Nota-se que uma delas, um homem, fala ao microfone. Ao fundo, um grande banner exibe o logotipo da conferência. Esta foto em preto e branco mostra muitas pessoas sentadas, lotando um salão. Na primeira fila, há um bebê no carrinho, ocupando a vaga de uma cadeira. Ao fundo, notam-se faixas e cartazes sobre assuntos relacionados à saúde.
Imagem do logotipo da “14ª Conferência Nacional de Saúde”. Nota-se a identificação do SUS e três bonecos coloridos ao redor da cruz azul. Logo abaixo, lê-se: Brasília, DF - 30 de novembro a 04 de Dezembro de 2011. Nesta foto em preto e branco, à esquerda, que também é o fundo da imagem, nota-se uma longa bancada atrás da qual se sentam algumas pessoas. Ao redor delas, percebe-se uma multidão que ocupa local parecido com arquibancada de ginásio. Esta foto em cores mostra multidão lotando um imenso salão. Há pessoas sentadas e em pé. Nota-se também alguns cadeirantes na primeira fila.

Sérgio Arouca

Presidida por Sérgio Arouca, um dos líderes do Movimento da Reforma Sanitária, a 8ª Conferência reuniu pela primeira vez mais de cinco mil representantes de todos os segmentos da sociedade civil. Nos dias em que ocorreram os debates foram discutidos, entre outros pontos, um novo modelo de saúde para o Brasil. O relatório final indicava as diretrizes para a construção de um sistema universal:

Resultar na criação de um Sistema Único de Saúde que efetivamente represente a construção de um novo arcabouço institucional, separando totalmente saúde de previdência, através de uma ampla Reforma Sanitária.

Esta foto em preto e branco é um close de um senhor calvo, que usa óculos, bigode e barba. Atrás dele, um banner com a frase: “8ª Conferência Nacional de Saúde”.

"É preciso uma reforma sanitária profunda em que seja garantido à população um serviço descentralizado (mais próximo das necessidades de cada um), universal (com acesso a todos os brasileiros), integral (em que todo o ciclo de vida seja beneficiado) e com controle social (a fiscalização do atendimento deve ser feito pela própria sociedade)."

"A saúde enquanto projeto pode ser demarcada antes e depois da Oitava, onde novamente discutimos o valor da participação da população, o valor do controle social, o valor da democracia direta e da luta pela redemocratização do País."

"A batalha sanitária é uma questão superpartidária, nenhuma pessoa, instituição, partido, agrupamento, categoria ou entidade enfrenta sozinha essa luta."

"Saúde não é simplesmente ausência de doenças, é muito mais que isso. É bem-estar mental, social, político. As sociedades criam ciclos que, ou são ciclos de miséria, ou são ciclos de desenvolvimento..."

"Saúde é o resultado do desenvolvimento econômico-social justo."

Sérgio Arouca – Médico Sanitarista e
Presidente da 8ª Conferência Nacional de Saúde em 1986